Cervejas Artesanais

0
104

Descubra por que as Cervejas Artesanais viraram a mais nova sensação

Cervejas Artesanais

Já experimentou Cervejas Artesanais? Quer variar o seu cardápio de cervejas e conhecer novos sabores? Gosta de beber uma cerveja que seja realmente de qualidade? Entenda por que as Cervejas Artesanais se tornaram a mais nova sensação do momento, conquistando um número considerável de fãs para esse estilo de cerveja.

Durante os dias de calor, em um almoço com a família, no bar com os amigos, a cerveja é sempre a campeã de pedidos, não é à toa que é a preferência nacional.

Mas imagine agora uma cerveja que seja diferente das outras. Uma cerveja feita de modo diferenciado, mais “rústico”, menos automatizado. Uma cerveja que tenha um sabor ainda mais delicioso que as demais cervejas. Onde você pode perceber a sua essência no momento que estiver saboreando. Essas são as cervejas artesanais.

Produzir as cervejas artesanais é quase uma alquimia na busca por excelência no sabor

O processo é completamente manual

Não é tarefa das mais simples definir o que são cervejas artesanais, pois não há uma única concepção sobre esse tipo de cerveja. Ela possui múltiplas concepções. Porém algumas características são marcantes para este tipo de cerveja. As cervejas artesanais primam pela qualidade e sobretudo pelo sabor.

Apesar de muitas micro cervejarias utilizarem equipamentos modernos e de alta qualidade, o processo é feito da maneira mais natural possível. Existe um acompanhamento do cervejeiro em cada etapa do processo ao chegar ao produto final. Não há nenhuma preocupação com a escala de produção, como ocorre com as cervejarias tradicionais, o que implica em não fazer uso de aceleradores químicos.

O principal atributo da cervejas artesanais é a preocupação dos cervejeiros em alcançar objetivos específicos em relação ao sabor, com uma preocupação constante na busca da qualidade, como se fosse a alquimia da cerveja.

Os tipos de produção das cervejas artesanais

Existem uma gama de sofisticação na produção de cervejas artesanais

As cervejas artesanais podem ser produzidas em ambiente doméstico. Com alguns equipamentos simples e os ingredientes corretos, o próprio consumidor pode preparar sua cerveja. Essa facilidade em produzir as cervejas artesanais de forma caseira, vem despertando o interesse de muitas pessoas em tomarem cursos sobre o assunto.

Existem ainda cervejarias artesanais, que são fábricas de cervejas artesanais. Elas são cervejarias pequenas, de caráter independente e mais tradicional. A sua produção é bem mais restrita, mais limitada. Justamente pela característica própria das cervejas artesanais em modelo de produção. Menor escala porém maior qualidade.

Ao contrário das cervejas comuns, onde até 45% da composição da cerveja é de adjuntos da cerveja, ou seja, milho ou arroz. Esse número é próximo demais do permitido por lei. A cerveja perde muito de suas características originais. O seu sabor foi massificado e padronizado.

As cervejas artesanais têm muito mais sabor, aroma, textura. Suas qualidades sensoriais são muito mais interessantes e melhores. A qualidade da cerveja artesanal é indiscutivelmente maior.

Um das características mais importantes das cervejas artesanais é a sua diversidade

Tem Cervejas Artesanais para todos os paladares

Uma das maiores riquezas das cervejas artesanais é justamente a sua variedade de estilos. Por ter uma produção mais seletiva e cuidadosa, ela permite uma personalização de sabores e criações diferentes. Eis alguns tipos de cervejas artesanais mais conhecidas.

Ale

É um tipo mais elaborado de cerveja, bem como mais encorpado. Dentro da Ale, existem alguns subtipos:

  • Trapista: feita pelos monges católicos trapistas. O seu sabor é bem forte.
  • Stout: é uma cerveja escura, de alto teor alcoólico, é mais encorpada e tem um certo gosto de malte torrado.
  • English Pale Ale: é mais amarga e forma muito pouco colarinho.
  • Weissbier: cervejas de trigo, típicas da Bavária (Alemanha). A grande maioria não é filtrada. É consideravelmente encorpada, com gosto acentuado.
  • Dubbel: de estilo tipicamente belga, com marrom, aromas frutados, medianamente encorpada, sabor equilibrado.

O modo rudimentar de armazenar as cervejas artesanais agrada a todos

Lager

Possui menor teor alcoólico, é mais leve. Assim como a Ale, possui estilos diferentes.

  • Pilsen: Sabor mais amargo, feita com mais lúpulo, cor mais clara, colarinho maior.
  • American Pilsen: são mais fracas que as pilsens comuns, sabor menos acentuado, aroma mais leve, colarinho mais claro.
  • Schwarbier: é uma cerveja escura, mais suave que as ales, aromas mais acentuados, sabores mais marcantes.
  • Bock: Possuem aromas maltados, teor alcoólico elevado. Costumam ter coloração avermelhada, mas podem ser escuras e claras.

Há modelos de Cervejaria artesanal que alcança um excelente escala de produção

Lambics

Ela é produzida unicamente em Bruxelas, na Bélgica. Possui todo um processo de produção completamente diferenciado, demorado. É mais ácida e leva frutas em sua composição, para dar um sabor diferente.

Faça um teste, experimente as cervejas artesanais e tenha a oportunidade de desfrutar desse sabor único, dando uma maior sofisticação ao seu paladar.

Leia também o artigo sobre “Como Fazer cerveja artesanal” clicando aqui

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here