Planejamento Familiar

0
125

De que maneira o Planejamento Familiar pode impactar na sua vida e de uma nação?

A importância do Planejamento FamiliarO que vem a ser o Planejamento Familiar? Os benefícios que uma sociedade que pode obter através de uma política eficaz de planejamento familiar são inúmeros e de grande relevância. Exemplos clássicos da eficácia e importância desse planejamento podem ser observados em vários países asiáticos, que tinham condições sociais beirando o caos e que conseguiram reverter tal situação.

Como funciona no Brasil?

Atualmente o planejamento familiar é oferecido através de uma assistência (no Brasil, as equipes do programa de saúde da família) também chamada de PSF, também definido como programa materno-infantil.

O planejamento familiar empenha-se em informar tais indivíduos sobre suas diferentes opções para a fertilidade, destacando os métodos anticoncepcionais autorizados no Brasil.

Em geral o planejamento familiar ajuda na atuação do planejamento em função da elaboração de um plano de vida reprodutiva, com base na Lei no. 9.263/96. Lembramos que os profissionais desse sistema de saúde, também tem direitos de assistir a contracepção e concepção.

O planejamento familiar com limitação de vida reprodutiva feminina é a composta de visitas ao ginecologista, pois atua principalmente na saúde da mulher.

Processos de fertilização

Gravidez planejada é o melhor caminhoPara casais que não conseguem ter filhos o planejamento familiar também é essencial, onde usa como base processos de fertilização, tais como: fertilização in vitro e a inseminação artificial.

Esse é um processo estabelecido pelas famílias que desejam criar uma estabilidade. Tal processo se baseia em conjunto que auxilia os homens e as mulheres a planejar a chegada de seus filhos. Muitas das vezes tal processo auxilia também para prevenir a gravidez indesejada de maneira saudável e eficaz.

Prevenindo a gravidez indesejada

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, a gravidez indesejada é um dos principais focos do planejamento familiar, diante das consequências que impactam diretamente na qualidade de vida de uma sociedade como um todo. 

Evitando problemas sociais

O planejamento familiar contribui decisivamente para evitar os problemas sociais causados por casais que não tem condições sociais e emocionais de criarem seus filhos, portanto desejam evitar a adoção ou o aborto.  Em casos mais graves tais casais se sentem pressionados e não vem outra forma de resolver seus problemas a não ser desfazer de seus bebês, algo que comprova esse fato é a média de filhos de família, antigamente os casais costumavam ter em média 5 filhos, hoje a média é de no máximo 2 filhos.

A pobreza como consequência

A pobreza é uma das primeiras consequênciasDiversos estudos publicados em vários veículos de grande credibilidade científica, deixam claros a importância do planejamento familiar no combate à pobreza. Um dos pontos mais relevantes, especialmente observados no Brasil, é que a taxa de natalidade entre as famílias de média e alta renda caiu drasticamente no pais, ao longo de décadas, enquanto que o mesmo não foi observado nas famílias menos favorecidas. Isso traz como consequência problemas de ordem social de grande monta, impactando sobre maneira nos recursos públicos disponíveis.

Diminuição na taxa de homicídio

Não precisa recorrer a pesquisas e muito menos a estudos antropológicos profundos para perceber o impacto da ausência do planejamento familiar nas classes menos favorecidas.

Entre diversos deles, o mais relevante é a falta de estrutura e presença do estado nas comunidades mais pobres, levando indivíduos de tenra idade a se envolver com tráfico de drogas, assaltos, roubos, para prover as suas necessidades básicas.

A consequência imediata é terem suas vidas ceifadas de maneira banal e corriqueira, contribuindo substancialmente nas taxas de homicídio

Somente a vontade política e social poderá implementar um planejamento familiar eficaz

A desigualdade social traz consequências gravíssimasEm países que alcançaram condições sociais invejáveis, em situação muito mais adversa que a do Brasil, o fizeram através da educação, trazendo um nível de consciência da importância do planejamento familiar na sociedade, inclusive impondo restrições na quantidade de filhos que poderiam ter.

O planejamento familiar pode contribuir em muitos aspectos de uma sociedade, mas acima de tudo, da diminuição de suas diferenças no acesso ao essencial para que todos os indivíduos vivam dignamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here